No retorno da Libertadores Santos quer continuar como o melhor de sua chave

Alô Nação Santista! Saudações Alvinegras!

Com seis pontos ganhos e líder do grupo G da Libertadores, o Santos volta a campo na noite desta terça-feira (15), quando às 21h30, recebe na Vila Belmiro, a equipe do Olimpia-PAR, pela Libertadores da América ainda pela fase de classificação!

A partida desta noite, marca não só o retorno da competição, interrompida pela paralisação do campeonato devido a pandemia do Coronavírus, como a estreia do técnico Cuca no Comando da equipe na Libertadores 2020.

Nas duas primeiras partidas contra as equipes do Defensa y Justicia da Argentina e Delfín do Equador, as vitórias conquistadas pelo Santos foram ainda sob o comando do ex-treinador Jesualdo Ferreira.

Buscando a terceira vitória na fase de grupos e consequentemente a manutenção dos até aqui, 100% de aproveitamento, o treinador Santista deve mandar a campo o 11 Santista com a possível formação:
João Paulo; Madson (Pará), Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Marinho, Lucas Braga (Arthur Gomes ou Marcos Leonardo) e Soteldo.

Uma vitória do Santos na noite de hoje, pode significar um passo importante rumo à classificação da equipe para as próximas fases da competição!

O confronto com o Olímpia do Paraguai pela Libertadores da América terá um atrativo a mais, que será o reencontro do atacante Derlis González, com o Santos.
Essa será a primeira vez que o jogador volta a Vila Belmiro após sua saída, desta feita como adversário!
Porém o aproveitamento do jogador na partida, ainda é algo incerto, aja visto que o atacante vinha se recuperado de uma tendinite na perna direita, o que o deixou afastado dos treinamentos durante 15 dias.
Sem seu melhor condicionamento físico, o paraguaio deve começar a partida no banco de reservas, sendo uma opção quem sabe para uma segunda etapa!

A provável equipe do Olímpia deve vir a campo escalado pelo técnico Daniel Garnero com:
Aguilar (Azcona); Otalvaro, Leguizamón, Alcaraz e Torres; Silva, Domingo, Ortiz e Rodrigo Rojas; Camacho e Roque Santacruz

Retrospecto

Santos e Club Olimpia  já se enfrentaram 02 vezes ao longo da história.
Foram 00 vitórias do Santos, contra 00 vitórias  do Olímpia e 02 empates.
O Peixe marcou 02 gols e sofreu 02, Saldo 00
Os dois jogos foram partidas amistosas realizadas em 1965 e 1967, ambas em Assunción com placares de 2 x 2 e 0 x 0
Em Copas libertadores da América a partida de logo mais será a primeira entre as duas equipes.

(Crédito: Imagem: Ivan Storti/Divulgação/Santos FC)

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.