Chegou a hora de dizer adeus

Alô Nação Santista! Saudações Alvinegras!

Natural da cidade litorânea de Mongaguá na Baixada Santista, o volante Alison de 28 anos, nascido em (1 de março de 1993), e que chegou nas categorias de base do Santos FC em 2004 com apenas 11 anos de idade, está muito perto de deixar o Santos.
Após 17 anos, o volante que já entrou em campo defendendo o “Manto Santista” em 264 jogos, entende que é chegado o momento de respirar novos ares, e viver novos desafios, após um período tão longo na vila Belmiro.

Alison que em 10 de setembro de 2011, fez sua estreia como jogador profissional, vestindo a camisa do Peixe na vitória por 1×0 em casa sobre o Cruzeiro, foi marcar seu primeiro gol como profissional, somente em 18 de julho de 2014, na vitória por 2×0 em casa contra o Palmeiras.

Volante com características de forte marcação, e que nos últimos anos foi titular e dono da camisa cinco, sendo até capitão da equipe, despertou o interesse do Al-Hazem, da Arábia Saudita, que está negociando com o Santos a compra dos direitos econômicos do jogador, que deve sair por aproximadamente US$ 1 milhão (cerca de R$ 5,18 milhões). Ao Alvinegro praiano caberá a quantia de R$ 3,6 milhões, fatia do clube por deter 70% dos direitos econômicos do jogador

Além do fato de saber que aos 28 anos, um contrato com o futebol Árabe pode ser sua última oportunidade de fazer um razoável pé de meia, com certeza pesou na decisão do jogador em aceitar a proposta, o fato de ter perdido espaço no time com a chegada do volante Camacho, jogador sem o mesmo poder de marcação, porém mais técnico, algo que hoje é quase uma exigência nos volantes modernos!
Negócio bom para o jogador cujo contrato com o Santos, iria até dezembro de 2022, e bom também para o clube que se confirmar mesmo os valores pedidos, US$ 1 milhão (cerca de R$ 5,18 milhões), recebe uma graninha boa que garante o pagamento de alguns compromissos imediatos!
A informação que temos e que deve ser confirmada nas próximas horas, dá conta de que o negócio já está concretizado, e que o jogador já teria inclusive, esvaziado seu armário na Vila Belmiro e se despedido dos colegas do Santos!

Volante marcador, daqueles chamados “Cão de Guarda”, Alison jamais primou por uma técnica apurada, um futebol de toques refinados nem grandes recursos, mas conquistou o coração do torcedor Santista, por sua identificação com o clube, raça, entrega em campo e amor a camisa!
Jogador de muita força e raça, jogando um clássico com o São Paulo na Vila Belmiro em 2015, Alison sofreu uma lesão no joelho e deixou o campo para ser atendido pelo Médico do clube! Em um primeiro momento, o médico do Santos pela experiência profissional, já constatara que a lesão não era algo leve, e no momento em que iria pedir a substituição, o Alison pediu para o médico não falar nada e continuou o jogo inteiro!
No dia seguinte, uma segunda-feira, foi realizado um exame que constatou uma ruptura no ligamento cruzado do joelho direito, e poucos dias depois o jogador foi submetido a uma cirurgia para a reconstrução dos ligamentos!
O fato ganhou bastante repercussão e só chegou ao conhecimento do torcedor Santista, graças a uma entrevista do meu amigo e colega de Rádio e Jornalismo, o excelente Repórter Ademir Quintino!

Desejo Boa Sorte ao Jogador quem honrou como poucos o Manto Santista!

(Crédito: Imagem: Ivan Storti/Divulgação/Santos FC)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.