Falhas individuais decretam derrota para o Flamengo

Alô Nação Santista! Saudações Alvinegras!

O Santos entrou em campo para disputar a 19ª e última rodada do primeiro turno do Brasileirão 2019, com a vontade, garra, e disposição de quem disputa uma final não de “Turno”, mas sim de “Campeonato”!

Porém o brio Santista, não foi suficiente para um time que com falhas individuais cometidas por Eduardo Sasha e Everson, acabou sendo derrotado pelo Flamengo por 1 x 0, gol do atacante Gabigol, assinalado aos 44 minutos do primeiro tempo!

Mais uma vez, o Técnico Jorge Sampaoli insiste em não optar por fazer o simples e eficiente arroz com feijão, e inventa!

A Invenção da vez, foi improvisar um “Quarto Zagueiro” na posição de lateral, desta vez pelo lado esquerdo do seu sistema defensivo!

O Resultado é que com 10 minutos de jogo, Gustavo Henrique já estava amarelado!

O Pior de tudo, foi a inexplicável opção de promover a estreia de um Zagueiro (Luan Peres), um jogador que vinha de um bom tempo sem atuar em uma partida oficial, e portanto sem ritmo de jogo, justamente para ser o responsável por tentar parar o atacante Bruno Henrique, veloz e em grande fase!

Com menos de 30 minutos o Santos já havia cometido nove faltas contra apenas duas do Flamengo!

O Intuito de colocar o lateral esquerdo Jorge, mais adiantado, atuando no meio campo fazendo a função que seria do Diego Pituca, não surtiu o efeito imaginado pelo treinador Santista, visto que o jogador pouco pegou na bola, e foi figura apagadíssima na partida!

Desta maneira, o Santos além de ficar sem um lateral esquerdo de ofício, não ganhou a esperada qualidade no meio de campo.

E foi pela falta de um lateral esquerdo, que inteligentemente, o “Jorge” que não foi o “Sampaoli”, mas o “Jesus”, apostou suas fichas em explorar o lado direito do seu ataque, aproveitando a fragilidade do setor esquerdo do Santos!

Dito e Feito!

Em uma bola perdida pelo ataque santista, o flamengo desceu em velocidade pela direita com o Gabigol, lado esquerdo do Santos, e praticamente livre e sem marcação, fez um belo gol por cobertura, aproveitando o fato de já na corrida ter observado o goleiro Santista um tanto adiantado!

Na volta para a segunda etapa, o Técnico Jorge Sampaoli tentou alcançar o empate ou até mesmo virar a partida, promovendo alterações como a entrada dos jogadores Uribe na vaga do Luan Peres, Felipe Jonatan na vaga do Carlos Sánchez, e Cueva no lugar Eduardo Sasha, porém não alcançaram o objetivo desejado

Sem Fanatismo ou Paixão Clubística, não vou nem falar como torcedor, mas como Comentarista mesmo:

Resultado injusto e que não reflete a realidade do jogo!

O Santos deixou o Maracanã, derrotado por um placar mínimo, construído por uma bola dada de graça pelo atacante Sasha, que apesar de ter falhado no lance, pegou o Santos desprevenido pois estava pessimamente posicionado em campo!

O Flamengo em momento algum, conseguiu com seu time milionário e recheado de grandes jogadores, colocar o Santos na roda como muitos pensavam!

O Santos sai do Maracanã de cabeça erguida e ciente de que perdeu por seus próprios erros!

Erro fatal ocasionado por uma bola dada de graça!

Erro de um setor defensivo, bisonhamente armado pelo lado esquerdo com a invenção de um Zagueiro como lateral!

E por fim, erro de um Goleiro que nem em sonho, é melhor que o Vanderlei!

Volto a insistir: Perdemos outra partida, pela repetição de erros cometidos por falhas de posicionamento, falhas essas, que venho chamando a atenção faz tempo!

 Pergunto aos amigos:

Quando tem a bola em sua posse, por qual motivo o time todo desce para o ataque?

Será que é tão difícil colocar na cabeça, que lugar de zagueiro é na defesa?

Ninguém guarda posição, todo mundo se manda para o ataque, e estão sempre sendo pegos de calças curtas quando perdem a bola e sofrem um contra-ataque!

Não foi diferente na partida de ontem contra o Flamengo!

Enfim o torcedor Santista apesar de apaixonado, é consciente das limitações da equipe, mas infelizmente as vezes fica a impressão de que é o próprio Santos que com erros primários, se torna seu maior adversário!

Que venha o Segundo Turno!

Estamos na briga!

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 0 SANTOS

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)

Gols: Gabigol, aos 44 minutos do primeiro tempo

Cartões amarelos: Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo, Gabigol, Marinho, Bruno Henrique, Jorge Jesus, Jorge Sampaoli, Cueva, Soteldo

FLAMENGO

Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís (Renê, aos 44 minutos do segundo tempo); William Arão, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta (Berrío, aos 37 minutos do segundo tempo); Gabigol e Bruno Henrique. Técnico: Jorge Jesus

SANTOS

Everson; Lucas Veríssimo, Luan Peres (Uribe, aos 19 minutos do segundo tempo) e Gustavo Henrique; Victor Ferraz, Alison, Carlos Sánchez (Felipe Jonatan, aos 30 minutos do segundo tempo) e Jorge; Marinho, Sasha (Cueva, aos 23 minutos do segundo tempo) e Soteldo. Técnico: Jorge Sampaoli

(Crédito: Imagem Alexandre Vital/Flamengo) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *